Manaus, 18 de junho de 2024

Tricicleiros de Parintins são declarados Patrimônio Cultural e Imaterial do Estado do Amazonas

Os tricicleiros de Parintins, agora, são Patrimônio Cultural e Imaterial do Estado do Amazonas.

Os tricicleiros de Parintins, agora, são Patrimônio Cultural e Imaterial do Estado do Amazonas. O decreto com a medida foi sancionado pelo governador Wilson Lima e publicado no mês passado no Diário Oficial (DOE). O tradicional meio de transporte da ilha dos bois-bumbás Caprichoso e Garantido remonta à década de 1980 e, atualmente, é o meio de vida de cerca de mil trabalhadores.

Desde 2019, o governo estadual vem adotando medidas que visam melhorias para a categoria de trabalhadores. Foi realizada a reforma de 200 triciclos, oferta de cursos de inglês para os profissionais do segmento, entregas de uniformes para 500 profissionais, entre outras ações para valorização da categoria.

A Lei Estadual nº 5.887 traz reconhecimento para uma modalidade que surgiu na década de 1980, a partir da necessidade de transportar os produtos agrícolas dos ribeirinhos para comercialização na cidade. Com o crescimento turístico em virtude do Festival Folclórico de Parintins, os profissionais acabaram usando o equipamento para fazer a locomoção dos visitantes.

Com 70% da estrutura feita de ferro, coberto por uma lona e movido pelo guidão de uma bicicleta, o triciclo é totalmente personalizado. Tem capacidade para acomodar até dois passageiros, além de bagagens. É um dos símbolos da viagem turística a Parintins durante o Festival Folclórico, conduzindo os viajantes de forma charmosa pela ilha Tupinambarana.

Atualmente, há duas organizações que reúnem os trabalhadores no município. A Associação dos Tricicleiros Turísticos de Parintins (ATTP) e a Associação dos Tricicleiros de Parintins (ATPIN).

Morador e tricicleiro, Alex Lima de Souza, de 42 anos, trabalha há 20 anos nessa modalidade, e é com o modal que tira o sustento da família. “Não tem outro ramo para a gente trabalhar. É de onde eu tiro o pão de cada dia, para levar o sustento para a minha família. Com o apoio do governo, a gente assiste palestra e faz curso de tricicleiro”, disse.

O presidente da ATTP, Rafael Gonçalves Carneiro, conta entusiasmado sobre as oportunidades que os tricicleiros encontram para obter uma fonte de renda. “São pessoas humildes, que têm orgulho da sua cultura e conquistam sua fonte de renda mostrando as belezas da nossa ilha”, diz Alex.

Festival 2022

Com o 55º Festival Folclórico de Parintins, anunciado pelo governador Wilson Lima para os dias 24, 25 e 26 de junho de 2022, tricicleiros da ilha já se preparam com entusiasmo para receber os visitantes.

“Estou muito feliz com o retorno do Festival Folclórico, agradeço ao governador Wilson Lima pelo apoio. Já estou reformando o meu triciclo para receber os visitantes da ilha e ganhar um dinheiro a mais. Essa atividade tira muitos pais de família da rua que estão desempregados, principalmente nessa época festival”, disse Alex.

Compartilhe

Postagens Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais lidos

Assine nossa Newsletter

Receba as últimas notícias diretamente no seu e-mail. Não fazemos Spam
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
error: Conteúdo Protegido !!