Manaus, 1 de março de 2024

PF prende duas pessoas em operação de combate a crimes contra crianças e adolescentes no Amazonas

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quinta-feira, 20/10, a Operação Rapina/AM, destinada à repressão a crimes contrários à dignidade da criança e adolescente, praticados por meio da internet, com o compartilhamento de imagens pornográficas de abuso sexual de menores, além de estupro de vulnerável.

A Polícia Federal cumpriu quatro mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão preventiva. A operação se relaciona a três casos diferentes. No primeiro, houve o cumprimento de dois mandados de busca e uma prisão preventiva, na zona Leste de Manaus.

O suspeito é investigado pelos crimes de estupro de vulnerável, produção e armazenamento de imagens de pornografia infantil e possível difusão das referidas imagens. No local, foi encontrada uma câmera de vigilância apontada para cama do investigado. Ele foi preso em seu local de trabalho, próximo à sua residência.

No segundo caso apurado, foi cumprido um mandando de busca e apreensão, onde foram encontradas mídias referentes ao crime em alusão, com a prisão do responsável em flagrante, na mesma zona da cidade.

Já no terceiro caso, foi dado cumprimento a um mandando de busca e apreensão, na cidade de Manacapuru, no Amazonas.

As investigações tiveram início a partir do alerta de uma ONG americana que monitora esse tipo de crime virtual e aciona as autoridades do mundo todo.

O nome da operação, referente à ave de rapina, é uma alusão metafórica à conduta investigativa policial que precisa ser ágil e certeira para selecionar e capturar alvos dessa natureza.

Os crimes em apuração estão previstos no Estatuto da Criança e Adolescente e Código Penal, cujas penas máximas somadas ultrapassam 30 anos de prisão.

Compartilhe

Postagens Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais lidos

Assine nossa Newsletter

Receba as últimas notícias diretamente no seu e-mail. Não fazemos Spam
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
error: Conteúdo Protegido !!