Manaus, 20 de abril de 2024

Governo do Amazonas decreta situação de emergência em municípios afetados por desabamentos na BR-319

O Governo do Amazonas vai decretar situação de emergência nos municípios de Careiro Castanho, Careiro da Várzea e Manaquiri, afetados diretamente pelo desabamento de duas pontes na BR-19, rodovia federal que liga Amazonas e Roraima ao restante do País por via terrestre. Segundo o governador Wilson Lima, o decreto ajudará a agilizar medidas que reduzam os impactos nas populações que dependem da estrada para escoar a produção de alimentos e auxiliará na resolução de questões como o abastecimento de combustível para alimentar geradores e usinas que abastecem com energia elétrica as comunidades das adjacências.

A preocupação do Governo do Estado é que haja desabastecimento de medicamentos, além de energia elétrica e produtos alimentícios. Apesar de se tratar de uma rodovia federal, o Estado vem atuando através de um grupo de resposta rápida nas áreas afetadas, com o apoio da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e outros órgãos estaduais.

Entre as medidas previstas para serem agilizadas após a publicação do decreto, está a contratação de balsas para a travessia de moradores e veículos nos dois sentidos. Uma consulta será feita ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM) sobre a edição do decreto, por se tratar de período eleitoral.

A rodovia liga diretamente, o Amazonas a Rondônia. O colapso da segunda ponte, dessa vez sobre o rio Autaz Mirim, tornou ainda mais crítico o acesso. O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) ainda não se manifestou nessa segunda-feira, sobre o avanço das ações adotadas para viabilizar a travessia sobre os rios Curuçá e Autaz Mirim.

O primeiro colapso ocorreu no dia 28. Quatro pessoas morreram e uma continua desaparecida. As equipes de busca acreditam que o homem esteja soterrado e por isso, o corpo ainda não foi localizado. A travessia sobre o rio Curuçá tem sido feita via balsa, custeada pelos proprietários dos veículos.

Foto: Reprodução Rede Amazônica

Compartilhe

Postagens Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais lidos

Assine nossa Newsletter

Receba as últimas notícias diretamente no seu e-mail. Não fazemos Spam
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
error: Conteúdo Protegido !!