Manaus, 1 de dezembro de 2023

Forças de segurança registram 23 detenções de eleitores no Amazonas

A ação conjunta das forças de Segurança Pública do Amazonas durante o primeiro turno das eleições deste domingo (02), registrou 23 detenções de eleitores, além de outras ocorrências relacionadas a irregularidades. A ação é acompanhada, em tempo real, a partir do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), em Manaus, e pelo Centro Integrado de Comando e Controle Nacional (CICCN), em Brasília.

Em todo o Amazonas, cerca de seis mil agentes da segurança pública estão mobilizados para garantir a segurança do pleito. Além disso, a operação conta com viaturas e embarcações, além de uma aeronave está empregada para a ação no estado.

Até às 13h30 deste domingo (02/10), a Operação Eleições 2022 registrou em todo o Amazonas:

• 07 casos de compra de votos
• 03 ocorrências de boca de urna
• 01 ocorrência de violação de sigilo do voto
• 00 ocorrências de propaganda irregular
• 01 ocorrência de transporte ilegal de eleitores
• 05 ocorrências de falsidade ideológica na esfera eleitoral
• 607 materiais de campanha apreendidos
• 23 ocorrências de condução/detenção de eleitores

Operação Eleições 2022

A Operação Eleições 2022 tem como objetivo garantir a segurança dos brasileiros durante o período de votação. Além dos representantes institucionais das 27 unidades federativas, também participam: representantes do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), das Polícias Civis e Militares, da Polícia Federal (PF), da Polícia Rodoviária Federal (PRF), dos Corpos de Bombeiros Militares, do Ministério da Defesa, da Agência Brasileira de Inteligência (Abin), das Secretarias de Segurança Pública e Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec).

Participam da operação Eleições 2022, além de órgãos ligados à SSP-AM, representantes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), Secretaria de Estado de Educação e Desporto (Seduc-AM), Casa Militar, Comando Militar da Amazônia (CMA), Polícia Federal (PF/AM), Agência Nacional de Telecomunicações, bem como as operadoras de telefonia e internet, Secretaria Municipal de Educação (Semed), Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), entre outros.

Compartilhe

Postagens Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais lidos

Assine nossa Newsletter

Receba as últimas notícias diretamente no seu e-mail. Não fazemos Spam
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
error: Conteúdo Protegido !!