Manaus, 20 de abril de 2024

ALE-AM bate recorde de gastos em ano eleitoral, com R$ 328,4 milhões em pagamentos efetuados

A Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) bateu recorde de gastos, de janeiro a outubro de 2022, ano eleitoral, registrando R$ 328,43 milhões em pagamentos efetuados, R$ 60,08 milhões a mais que no mesmo período do ano anterior, apontam dados do portal da Transparência. Em números percentuais, o acréscimo, entre um ano e outro, foi de 22,3%. A Casa Legislativa também realizou R$22,15 milhões em pagamentos de dívidas de exercício anterior, nos primeiros 10 meses deste ano.

Os valores foram registrados durante a gestão do atual presidente, deputado estadual Roberto Cidade (União brasil), reeleito no último pleito.

O valor é ainda maior se comparados os empenhos (valores reservados para gastos programados) registrados no período. Em 2021, foram R$ 317,25 milhões. Neste ano, foram mais de R$ 400 milhões, ou, R$ 82,7 milhões a mais. O valor é 26% maior que no ano anterior.

Em 2018, quando ocorreram as últimas eleições gerais, para eleger deputados, governadores, senadores e presidente da República, os gastos da ALE-AM somaram R$ 207,93 milhões, cerca de R$ 120,4 milhões a menos em pagamentos efetivamente realizados, do que em 2022. Os empenhos, à época, somaram R$ 241,09 milhões, de janeiro a outubro.

O orçamento autorizado para 2022, para a Aleam, é de R$ 438,63 milhões, cerca de R$ 36,55 milhões, em média, para cada mês. Mas, se considerados os empenhos já realizados ,que ultrapassam os R$ 400 milhões, foram destinados cerca de R$ 40,014 milhões ao mês à manutenção da casa, em uma divisão para 10 meses.

Compartilhe

Postagens Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais lidos

Assine nossa Newsletter

Receba as últimas notícias diretamente no seu e-mail. Não fazemos Spam
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
error: Conteúdo Protegido !!