Manaus, 20 de abril de 2024

Eleito presidente, Lula venceu em 58 das 62 cidades do Amazonas

O presidente eleito do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), obteve maioria de votos em 58 dos 62 municípios do Amazonas. As exceções foram Manaus (maior colégio eleitoral do Estado), Boca do Acre, Guajará e Apuí, cidades que destinaram maioria de votos ao presidente e candidato derrotado, Jair Bolsonaro (PL).

Bolsonaro contava,  no Amazonas, com o apoio no Amazonas do governador Wilson Lima (União Brasil), que apesar de ter sido reeleito, não conseguiu transferir votos suficientes para Bolsonaro.

Bolsonaro teve 77.451 a menos que Lima, de acordo com a Justiça Eleitoral.

Segundo o TSE (Tribubal Superior Eleitoral), Lula obteve 51,10% dos votos no Amazonas, no segundo turno das eleições, ocorrido no último domingo, 30, o equivalente a 1.004.991 votos válidos.  Bolsonaro registrou 48,90% (961.741).

Lula registrou, no segundo turno, 14.693 votos a menos que no primeiro turno, quando foi escolhido por 1.019.684 eleitores. Já Bolsonaro, ganhou 81.543 votos a mais, o que não foi suficiente para colocá-lo em primeiro lugar na disputa no Amazonas.

Compartilhe

Postagens Relacionadas

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Mais lidos

Assine nossa Newsletter

Receba as últimas notícias diretamente no seu e-mail. Não fazemos Spam
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
error: Conteúdo Protegido !!